Por que startups resistiram melhor à pandemia do que empresas comuns

Por que startups resistiram melhor à pandemia do que empresas comuns

Pesquisa conduzida pelo Sebrae e Finep revela que enquanto 87% das micro e pequenas empresas registraram queda no faturamento com as medidas de restrições impostas no período de pandemia. Porém, o número entre as startups foi de 68%, significativamente menor.
Conforme o estudo, 13% das startups conseguiram aumentar o faturamento apesar desta crise.
Uma das explicações é a capacidade de inovação, normalmente mais acentuada em startups, que são empresas jovens com modelos de negócio escaláveis, de fácil reprodução e com potencial de crescimento. Esse tipo de companhia é geralmente criada para solucionar algum problema especifico, e elas existem, justamente, em um cenário de incertezas.
Ligadas à área de tecnologia, o caminho da adaptação, então, foi mais simples, já que essas empresas já lidam com inovação diariamente.

Fonte: https://www.google.com/amp/s/www.jornalcontabil.com.br/startups-resistiram-melhor-a-pandemia/%3famp

Deixe uma resposta